Paróquia Sagrado Coração de Jesus
Paulínia/SP - Arquidiocese de Campinas
Sempre de portas e coração abertos para acolher
Missa dos 60 Anos, fixação da Cruz


Pastoral Familiar





Pastoral Familiar
 
Endereço: Rua Monsenhor Jeronimo Baggio, 40
Horário: Segunda: 13h às 17h-Terça a sexta: 08h às 17h - Sábado:8h às 12h
Telefone: 3874-2070
Email: pscoracaojesus@terra.com.br
Site: http://www.sagradocoracaopaulinia.org.br/
Face:  https://www.facebook.com/sagradocoracaopaulinia
Pastoral Familiar




Como chegar ao Local

Informações:

Pastoral Familiar

      Preparação Noivos:17 e 18/02/2018, 19 e 20/05/2018, 04 e 05/08/2018, 03 e 04/11/2018.

      Casamento Comunitário: a confirmar

      Clique aqui para visualizar as orientações para o sacramento do matrimônio.

É um serviço que se realiza na Igreja e com a Igreja, de forma organizada e planejada por meio de agentes específicos, com metodologia própria, tendo como objetivo apoiar a família a partir da realidade em que se encontra, para que possa existir e viver dignamente, estabelecer relacionamentos e formar as novas gerações conforme o plano de Deus. Abrange todas as famílias, independentemente de sua situação familiar, com o propósito de promover a inclusão e resgatar os valores e a dignidade de cada pessoa.

Missão

A missão evangelizadora da Pastoral Familiar é a defesa e promoção da pessoa em todas as etapas e circunstâncias da vida e a defesa dos valores cristãos para o matrimônio e os relacionamentos pessoais e familiares. Para isso, é imprescindível promover articulações dentro e fora da Igreja, para defender a vida em todas as suas etapas e dinamizar e orientar ações em favor da família. A Pastoral Familiar possui quatro metas principais: Fazer da família uma comunidade cristã; Fazer com que a família seja santuário da vida; Resgatar para a família seu justo valor de célula primeira e vital da sociedade; Tornar a família missionária e Igreja doméstica.

Objetivos

Formar agentes qualificados; Acolher toda família a partir da realidade em que se encontra; Santificar os laços familiares; Apoiar a família no seu papel educador; Promover a missão em família; Valorizar os tempos litúrgicos e datas civis; Articular o trabalho em conjunto com as outras pastorais e movimentos eclesiais; Estabelecer articulações também com forças externas à Igreja.